Isabella de Roldão se reúne com lideranças comunitárias feminina

Na tarde desta terça-feira (06), a candidata a vice prefeita da Frente Popular do Recife, Isabella de Roldão, se reuniu com lideranças comunitárias femininas, na sede do PDT. No encontro, o grupo de mulheres relataram os problemas e as necessidades de suas comunidades, onde acessibilidade, saneamento, educação e saúde foram pautas comuns.

A candidata a vice de João Campos começou a sua fala dizendo que a grande reflexão da tarde é que todo mundo quer ganhar. “Então todo mundo tem de participar, tem que discutir, tem que se envolver, tem que aprender.E o que eu puder fazer para empoderar as mulheres que estão ao meu redor, eu faço! Quero dizer que a gente pode tudo”, diz.

Segundo Isabella de Roldão, os desafios e trocas de experiências geram ideias e iniciativas efetivas nas comunidades. “A construção coletiva onde ouvimos as demandas e colocamos em evidência as necessidades são muito importantes para os enfrentamentos. Fazer a política do bem, não é a política comprada, é a política da educação. Estamos convivendo com pessoas que pensam completamente diferente. Precisamos insistir”, avalia.

Nesta reunião, participaram representantes das comunidades Caranguejo Tabaiares, Chão de Estrela, Vila Santa Luzia, Dois Unidos, Alto do Refúgio, Alto José Bonifácio, Campina do Barreto.

Sandra Regina, da Vila Santa Luzia, comunidade localizada no bairro da Torre, trouxe um relato sob uma ótica diferente. Contou que os moradores precisam ajudar na limpeza do lugar onde mora. “A prefeitura sozinha não consegue dar conta se todos não cuidarem do que é seu. Limpar sua calçada, colocar o lixo no lixo, usar os coletores seletivos. Se não nos unimos pelo nosso lar, nada vai durar”, diz. Ela conta ainda que se orgulha dos atuais gestores, pois “após 36 anos de espera, agora, conseguimos calçar nossas ruas. Temos uma praça, uma obra de quase R$ 80 mil reais”, enfatizou. Sandra ainda afirmou que as 328 famílias da comunidade só têm elogios para o grupo político que hoje está no governo.

Isabella ainda ressaltou que o apoio é importante e dar forças para seguir em frente. “O papel das lideranças comunitárias femininas é de grande valor dentro da comunidade, pois elas mobilizam iniciativas e articulam recursos para minimizar as dificuldades cotidianas. E encontros como estes só mostram o quanto o conhecimento empodera, integra atores sociais e torna pessoas mais conscientes e atuantes em suas comunidades”, complementou.

Deixe uma resposta